Cicloativismo: precisamos democratizar

O Mario Amaya escreveu um belo artigo comentando a insensatez que rondam alguns cicloativistas, chamando quem tem bikes de competição ou top de linha de elitistas. Eu concordo com ele e assino em baixo. Você já foi discriminado por estar/ter uma bike que não faz parte do movimento?

Leia mais em:

Elitismo onde, idiota? Bike não é carro!

Share