E o pedestre, como fica?

Este é o título de reportagem da Gazeta do Povo deste domingo. A prefeitura propagandeia para os quatro cantos as obras realizadas na cidade. O prefeito playboy está faturando alto com isto: seus índices de aprovação são estratosféricos, 88% dos eleitores dizem que irão reelegê-lo. Mas não são todos.

Os pedestres, estes, estão com a barba de molho. Veja o que texto diz:

“Esse tipo de obra incentiva as pessoas a saírem de carro. Desde que foi inaugurado o binário do Capão da Imbuia, a circulação de pedestres por aqui caiu muito”, diz a autônoma Onivar Maria Marcos. “Na Major Heitor Guimarães, quando liberaram a rua, as calçadas nem estavam prontas”, afirma a comerciante Luiza Valéria Behr Fronzen […]

[…] O grande problema da Santa Bernadethe é no início do binário. Uma mureta, na junção com a Avenida Wenceslau Braz, além de causar transtornos ao fluxo de veículos, não oferece passagem aos pedestres. “Há dificuldade de visibilidade para os motoristas, por isso todos os dias têm um acidente aqui”, declara um morador que não quis se identificar. “Eles complicaram a vida do pedestre. Não dá para continuar na Santa Bernadethe. É preciso descer um pouco e atravessar a rua para continuar. Não faz sentido”, completa.


Cartoon: Solda

Na Mal. Floriano Peixoto, perto das revendas de carro, a calçada que havia entre a canaleta e a via, sumiu! Fizeram algo com uns 40 cm de largura, se tanto, com uma absurda inclinação, justo do lado onde é permitido estacionar. Quero ver se algum carro conseguirá abrir a porta.

E assim vamos nos aproximando da eleição. Asfalto preto, calçada novinha (não importa se não pode andar), radar sinalizado, sinaleiros de pedestres que não funcionam, faixas inexistente em várias ruas, ciclovias para turistas…

Via: [Gazeta do Povo]

Share