Ecos da Bicicletada pelada!

Deu no Jornale, no blog do Zé Beto e é digno de nota e de reprodução:

Merecem medalhas os dois anônimos policiais militares do Batalhão de Trânsito que escoltaram ontem o grupo de 300 ciclistas que participaram da manifestação no Dia Mundial Sem Carro. Eles não foram chamados. Atenderam um acidente e ao ver os ciclistas, entraram na frente como batedores. O manifestantes saíram da Reitoria, passaram pela Marechal Deodoro, foram até a Brigadeiro Franco e desceram a Vicente Machado. Na Visconde de Nacar, cinco manifestantes tiraram as roupas. Os policiais viram e, como cavalheiros, continuaram o trabalho de abrir caminho para o grupo, que foi até a Boca Maldita, onde os pelados colocaram a roupa de novo e seguiram com o grupo até a prefeitura, final da trajeto. Os policiais poderiam ter chamado reforço para prender os sem-roupa por atentado ao pudor. Fizeram o que o bom senso mandou. Parabéns!

Via: [Os policiais e os sem roupa]

Share