São José dos Pinhais – Lapa

Domingo, dia 27/04, dia de programa de índio. Desde que conheci Mandirituba, e que, por sinal, fica bem pertinho de São José (40 km por estradas de chão), logo pensei em uma maneira de chegar até a Lapa. E o dia chegou.

O Junior, da Bike Shop pediu-me para levantar o caminho, passar para o GPS e pedalar para lá. No sábado ele foi fazer o caminho, pois certamente não acreditava nem no GPS, nem no Google Earth, nem em mim. Paciência! Ele acabou se perdendo…

Neblina: começou o outono.

Neblina: começou o outono.

Saímos apenas em sete: Antonio, Dentinho, Gilson, Junior, Pedro, Rui e eu. A meta era não subir na van. Fomos tranquilos pedalando pela Cachoeira e seguindo até Mandirituba, para a primeira parada. Até aí foi sossegado, uma neblina mais seca, nem nos molhamos, e o solo estava sem poeira.

Os tropeiros

Os tropeiros

Na chegada em Mandirituba, pegamos um single track e o Rui comprou um terreninho por lá. Pequeno, é verdade, mas deu uma esfoladinha leve. Agora, dali para a frente o caminho era novo. Saímos dali rumo a Contenda, nossa segunda parada.

Na parada em Contenda resolvemos comer bem. Paramos em uma panificadora e assaltamos: pão com bolinho, espetinho de frango, risólis, torta alemã, torta de banana, torta de limão, coca-cola, café, etc. A grande vantagem das pequenas cidades é o preço. Eu paguei dois reais em um pedação de torta de banana, deliciosa.

Rumo a Balsa Nova

Rumo a Balsa Nova

Saindo de Contenda fomos, agora, em direção a Balsa Nova, cidade menor ainda, e sequer paramos, pegando logo a estrada do Contestado, que no levaria até a Lapa. A esta altura o Rui e o Pedro já tinham subido na van. O Pedro até que tentou pedalar mais um pouco, mas estava sentindo muitas câimbras. Era mais prudente parar.

Seguimos, Antonio, Dentinho, Gilson e eu. Agora num ritmo mais tranquilo, pois o cansaço já era grande. Todo o trecho tem subidas, principalmente depois de Mandirituba, o que nos deixou no prego.

Estrada novinha em folha!

Estrada novinha em folha!

E assim fomos, conversando, rindo, contando estórias, o Dentinho sempre na frente. Muito próximo a Lapa, o sol deu o ar da graça, clareando aqueles belos campos. Foi a primeira vez que passei por esta região e fiquei impressionado com a paisagem. Quero voltar mais vezes.

Os tropeiros de bicicleta!

Os tropeiros de bicicleta!

Números do pedal: veja em São José dos Pinhais – Lapa.

Fotos: Picasa SJP- Lapa.

Share