Itália contra o doping

Agora a Itália que dar o exemplo:

Italianos se unem contra o doping

Por: Cesar Candido dos Santos

A Associação dos Ciclistas Profissionais Italianos (AACPI), liderada por Amedeo Colombo e Gianni Bugno, enviou nesta quinta-feira uma carta ao presidente da União Ciclística Internacional (UCI), Pat McQuaid, solicitando que os atletas flagrados no doping sejam banidos definitivamente das competições.

A AACPI, que representa 250 ciclistas profissionais, acredita que os recentes resultados positivos pelo uso de CERA prejudicaram muito a imagem do esporte. O desejo de excluir os “trapaceiros” condiz com a vontade de McQuaid, que recentemente ampliou a pena de doping para quatro anos e revelou que, por ele, os atletas que usam substâncias ilegais não participariam de uma prova nunca mais.

“Os testes positivos de [Riccardo] Riccò, [Emanuelle] Sella, [Leonardo] Piepoli, [Stefan] Schumacher e [Bernhard] Kohl são ainda mais prejudiciais, pois eles eram grandes campeões. A conduta deles aumenta apenas a convicção daqueles que, erradamente, acreditam que para vencer corridas é preciso estar dopado”, disse a AACPI na carta, que também solicitou uma punição aos médicos e cientistas envolvidos com doping.

Via: [Prologo]

Share