Liminar: pracinha do Batel

Uma liminar impede o início do fim da pracinha do Batel. Além disto, um morador impediu hoje pela manhã que as máquinas trabalhassem. Rafael Xavier Schuartz, integrante do movimento Amigos do Batel, foi quem se postou à frente das máquinas, mas mesmo assim algumas árvores foram derrubadas. É, a cidade sorriso derruba árvores! Você, cidadão, não se atreva a derrubar uma, caso contrário estará em maus lençóis, mas a prefeitura da cidade pode. Legal, né?

Ouve um bate boca entre Omar Akel, administrador da regional da Matriz, e Rafael Xavier Schuartz, captado pela reportagem da Band News.

Veja aqui as explicações do administrador da regional. Para resumir: eles dizem que vão aumentar o tamanho da praça, logo a população estará ganhando mais praça! Mas para que serve uma praça dividida em duas, com uma rua a separá-la? Você deixaria seus filhos brincando lá? Outra explicação é a de aumentar a mobilidade. Aprenda com Curitiba como aumentar a mobilidade nas ruas? Divida as praças em duas!

A reportagem do Band News:

[youtube=om/watch?v=2Z4B87c9nbo]

Mais informações: